quinta-feira, 9 de julho de 2015

CENTÁUREA BRASILEIRA tônicas e estomacais

CENTÁUREA BRASILEIRA tônicas e estomacais

318 CENTÁUREA BRASILEIRA (Callopisma perfoliatum)
Família: Gencianáceas.
Característica: Planta herbácea.
Habitat: Muito abundante em Minas.
Valor terapêutico: Tem propriedades tônicas e estomacais.
Parte usada: Raiz.


CENTÁUREA-DO-BRASIL (Dejanira erubescens)

319 CENTÁUREA-DO-BRASIL (Dejanira erubescens)
Família: Gencianáceas.
Sinonímia: Fel-da-terra. (Há várias plantas chamadas fel-da-terra).
É também conhecida pelos nomes de copo-dágua e boca-de-sapo.
Características: Planta de haste erecta, delgada, de ramos axilares opostos, dicótomos, ascendentes.
Folhas opostas, sésseis, obovais.
Flores róseo-avermelhadas, reunidas em cimeiras, nas extremidades dos ramos.
O fruto é uma cápsula alongada.
Valor terapêutico: No que diz respeito às suas propriedades terapêuticas, esta planta nada fica a dever à centáürea-menor (Erythraea centaurium).
Atua como estomáquica, corrigindo rapidamente "qualquer dúvida gástrica ou intestinal".
Folhas e flores.
Combate os vermes intestinais.
Raízes.
No combate às febres, inclusive as intermitentes, substitui eficazmente o quinino.
Raízes e hastes.
É ótimo aperiente.
Parte usada: Toda a planta.
Dose: 20 gramas para 1 litro de água; 4 a 5 xícaras por dia.




Nenhum comentário:

Postar um comentário