quarta-feira, 12 de agosto de 2015

COLOQUINTA (Citrullus colocynthis, Cucumis colocynthis)

COLOQUINTA (Citrullus colocynthis, Cucumis colocynthis)

367 COLOQUINTA (Citrullus colocynthis, Cucumis colocynthis, Colocynthis officinalis)
Família: Cucurbitáceas.
Sinonímia: Colocíntida.
Outro idioma: Coloquíntida, tuera (Espanha).
Características: Planta herbácea, rasteira.
Folhas profundamente recortadas, subdivididas em lóbulos.
Flores pequenas, amarelas.
Fruto amarelo, do tamanho e da forma de uma laranja. A polpa esponjosa, branca, do fruto maduro, é muito amarga.
Valor terapêutico: A polpa é um purgante muito violento.
Bastam alguns centigramas para se obter efeito drástico.
"Como dose máxima", diz o Dr. Pio Font Quer.
"tomam-se, de cada vez, 30 centigramas, e, por dia, um grama.
Mesmo estas doses são notavelmente elevadas, porque podem provocar dolorosas cólicas e evacuações san-guinolentas... As senhoras grávidas não podem tomar este purgante, porque provoca aborto; nem os que padecem de enfermidades renais, porque congestiona os rins.
Para matar um homem bastam 2 a 5 gramas."
Por isso, na medicina caseira não é recomendável o uso deste vegetal,
porque um erro, aí, pode produzir resultados mui perigosos.





Nenhum comentário:

Postar um comentário