sábado, 27 de fevereiro de 2016

JURUBEBA (Solanum paniculatum, Solanum belfort)

JURUBEBA (Solanum paniculatum, Solanum belfort)

616 JURUBEBA (Solanum paniculatum, Solanum belfort)
Família: Solanáceas.
Sinonímia: Jubeba, juribeba, jupeba, jurubeba-verdadeira, jurupe-ba-altera, jurubebinha.
Características: Arbusto de caule e ramos espinhosos.
Folhas si-nuadas, tomentosas, verde-escuras na face superior, verde-claras na face inferior, apresentando espinhos no pecíolo e nervura mediana mui saliente.
Flores de cor lilás.
Inflorescência em panículas.
Fruto: baga esférica, amarelada. Dá em cachos.
Valor terapêutico: É bom alterante, diurético, antiperiódico, de-sobstruente, tônico.
Emprega-se, com bons resultados, para combater a icterícia e a inflamação do baço.
Suco dos frutos.
É também um poderoso remédio contra o catarro da bexiga e a clorose.
Suco dos frutos.
Externamente empregam-se as folhas machucadas sobre as úlceras.
É igualmente de grande valor nas dispepsias atônicas e nas diabetes.
Raiz.
No ingurgitamento (enfartamento ou obstrução) do fígado age poderosamente como desobstruente.
Folhas, frutos, e, especialmente, a raiz.
Tem aplicação, com bons efeitos, nos abscessos internos, nos tumores (especialmente do útero e do abdômen), etc.
Folhas, fruto e raiz.
Nas hidropisias tem muita utilidade.
Folhas e raiz.
Na falta de transpiração, prepara-se um chá da raiz.
Para as febres intermitentes, as folhas representam um bom remédio.
Partes usadas: Folhas, fruto, raiz.
Dose: 20 gramas para 1 litro de água; 4 a 5 xícaras por dia.





Nenhum comentário:

Postar um comentário