terça-feira, 8 de novembro de 2016

TINHORÂO cura a inflamação dos olhos.

TINHORÂO cura a inflamação dos olhos.

953 TINHORÂO (Arum maculatum, Caladium bicolor)
Família: Aráceas.
Sinonímia: Tagurá. O nome de "tinhorão" é aplicado, no Sul, a todos os tajás e arás.
Características: Planta herbácea, de folhas longamente peciola-das, sagitado-codiformes, face superior manchada (manchas pretas ou avermelhadas), face inferior de cor esbranquiçada. A flor é constituída por um estojo foliáceo. O bulbo é amarelado.
Valor terapêutico:
É uma planta venenosa.
Usa-se exteriormente o chá (50 gramas para 1 litro de água quente) para limpar, e o bolbo, picado e amassado, em forma de pasta, para curar úlceras velhas.
As folhas e a raiz secas, reduzidas a pó, prestam-se para os mesmos fins.
O sumo das raízes e folhas, misturado com azeite, também dá bons resultados na cura de feridas e úlceras.
Esta planta é usada pelos camponeses para curar as bicheiras do gado.
O decocto das folhas, usado em gargarejos, cura as anginas.
Deve-se, porém, ter o cuidado de não engolir o líquido.
O mesmo cozimento cura a inflamação dos olhos.
Aplica-se topicamente com algodão hidrófilo.
Partes usadas: Raiz e folhas, externamente.






Nenhum comentário:

Postar um comentário